Seguidores

Recanto das letras

domingo, 8 de janeiro de 2017

A CANÇÃO DA VIDA!

Nasce com cada um, como um hino,
Forte, cada estrofe, canta o menino,
Apenas palavras, em seu desafino,
As repete, em seu viver genuíno...

O jovem encontra o amor, deslumbrado,
Faz poesia, inventa palavras, apaixonado,
Perde o sono, sonha no escuro, encantado,
Compõe uma estrofe e queda-se, cansado...

O homem maduro, canta seus feitos,
É dono do mundo, não tem defeitos,
Constrói sua história, meticuloso,
Quer contá-la a todos, de si, orgulhoso...

Quando o tempo nos toma, absoluto,
Trás maturidade, calma e também o luto,
A lágrima rola, a canção é cantada baixinho,
A saudade é doída... Cumpriu-se, nosso destino...



    Lani  (Zilani Celia)

59 comentários:

  1. O texto soa como uma linda canção
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Muito bonito Lani. Já tinha saudades dos seus belos poemas.
    Bela melodia.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Que beleza,Lani! Adorei a leveza e beleza juntas! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
  4. A vida com as suas músicas e mensagens...
    Bonito texto, Lani!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Zilani , seu poema espelha com excelência a canção de nossas vidas .
    Parabéns e obrigada pela partilha .
    Uma canção bem linda para todos nós neste 2017 .
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá Lani.
    A tua bela poesia levou-me, por instantes,
    ao tempo de menino e adolescentes, fases da vida
    que nos enchemos de sonhos e de projetos, muitos
    destes irrealizáveis. Parabéns.
    Abraços.
    Pedro.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Lani, que trajetória, essa!
    A verdadeira, poeticamente contada, mas triste. Perfeita, minha amiga!
    Gosto desse seu pensar sutil... mas você diz!!! Com muita classe.
    Beijo, querida. Parabéns, 'é você', como sempre...

    ResponderExcluir
  8. Maravilhoso momento melodioso transbordante de sentires ,muitos beijinhos querida amiga ,felicidades

    ResponderExcluir
  9. Sempre a melancolia a marcar as etapas da vida aqui descritas no poema...
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Soberbo poema, este! Amei de verdade!! Parabéns

    Beijos e uma excelente semana
    .
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  11. Lindo demais seus versos, a vida é assim, amei a canção, triste, mas consoladora também!
    Abraços amiga Lani!

    ResponderExcluir
  12. Cada fase uma história a ser contada. Lindos e sábios versos!
    Bjs no coração amiga Lani!

    ResponderExcluir
  13. Felizes somos se "cumprirmos dignamente nosso destino"! Belo momento de reflexão! Obrigada.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  14. Oi Zilani! Muito lindo seu poema, o encanto da vida vai se transformando em memórias...que não deixam de ter sua beleza, mas não são palpáveis, não mais.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. A maturida é boa, traz calma, serenidade; os filhos estão criados e temos a sensação boa de termos o tempo só para nós; mas depois vem o outro lado a certeza de que o nosso destino se está a cumprir e de que camingamos a passos largos para o instante da última despedida; nao sabemos quando virá e ele " não escolhe idades " como se costuma dizer, mas também se diz e muito bem que " quem de novo não vai, de velho na escapa" e portanto é dificil não
    pensarmos nisso. Não devemos, mas pensamoe e se começamos a olhar para trás ainda é pior, vem uma saudade doíd mesmo. Para a frente é que é o caminho e o melhor é segui-lo sem grandes expectativas, vivendo um dia de cada vez da melhor maneira possivel. Muito lindo este teu poema, Zilanni. Muito obrigada. Saúde para ti e para os teus é o melhor que te posso desejar. Um beijinho, querida amiga
    Emilia

    ResponderExcluir
  16. Olá, Zilani!

    Um bonito poema, k exprime as diversas etapas da vida, de forma realista, mas como católicas k ambas somos, acreditamos na vida para além da morte, todavia, te entendo, mto bem, qdo afirma k nosso destino se cumpriu.

    Agradeço sua visita e abraço deixado, que retribuo.

    Beijinhos e boa semana.

    ResponderExcluir
  17. Zilani, seu poema me lembrou um repente, quase pude ouvir o som melodioso da prosa. A vida tem suas fases, ler me fez pensar que talvez o segredo da felicidade seja nunca se deixar perder o "menino" e sua visão poética da vida.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  19. Depois de uma ausência imprevista estou de volta, ainda a tempo de me deliciar com este belo poema!
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Lani, quanta emoção nessa canção da vida! Ás vezes tão suave, alegre e noutras tão saudosa! bjs e boa semana,

    ResponderExcluir
  21. Olá, Zilani!
    A vida tem sua própria melodia, composta pelas diversas fases que vivemos, algumas deixam imensa saudade.
    Linda canção,
    Um abraço
    Sônia

    ResponderExcluir
  22. As fases da vida... maravilhosamente evidenciadas em cada palavra... de uma forma tão pura, bela e assertiva...
    Um daqueles posts, para ler e reler...
    Espectacular trabalho, Zilani!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir
  23. A vida tem tantas fases !! ou talvez etapas por cumprir.
    Deliciei-me com a musicalidade do poema, com os sons que consegues imprimir a cada verso, com a poesia da tua alma...

    Lani , após um ano de ausência, estou de volta. espero que te lembres de mim....beijinho...:)

    ResponderExcluir
  24. Me emocionei, Zilani. Linda postagem. Bjs e bom 2017 para nós.

    ResponderExcluir
  25. Oi, Zilani...a vida como ela é...em suas nuances e etapas mas sempre fascinante.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  26. Olá caríssima Zilani.
    Muito profundo e retrata bem como a vida é. Fiquei tão tocado que li e reli teu excelente trabalho e cada comentário, de Pedro Coimbra a Guaraciaba Perides e por minutos fiquei a pensar na vida. O tempo que passou, as realizações, os sonhos, os sonhos e os sonhos. A vida como ela se apresenta a todos, porém com nuances diferentes e para a maioria doída, sofrida e injusta. São as pedras que temos que carregar nos ombros, pela vida inteira, mas sempre teremos momentos felizes e no final deixaremos apenas lembranças, lembranças que terminarão tão rapidamente quanto uma luz que se apaga.
    tenhas um belo fim de semana, com muita alegria e paz.

    ResponderExcluir
  27. Boa tarde, querida Zilani!
    Incrível como se cumpre o ciclo, todos nós!
    Gostei muito e é singelo mesmo descrevendo uma vida toda...
    Bjm muito fraterno e um abençoado 2017!

    ResponderExcluir
  28. Simplesmente maravilhoso.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  29. Zilani, grata pela visita ao blog. A vida é um mistério a cada pessoa, como entendê-la, senão pela fé. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  30. Oi Zilani!
    Amei! A vida vai modificando "nossa música"!
    Profundo e encantador!
    Beijo carinhoso!

    ResponderExcluir
  31. Belo post, Zilani! E, na verdade, a canção da vida nos embala, enquanto cumprimos o nosso destino! Boa semana, amiga.

    ResponderExcluir
  32. Boa tarde, querida Zilani,
    a melancolia vem com o hino das fases da vida.
    O menino, o jovem, o homem , e por fim a madureza da vida.....e assim vamos levando , vamos nos embalando na bela melodia. Gostei muito. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  33. Lindíssimo, Zilani!
    Impossível não se encantar e se emocionar diante deste seu inspiradíssimo poema.
    Belo momento poético!

    Ótimos dias!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  34. Querida Lani
    Fez uma descrição muito poética da vida!
    Concordo em absoluto com o título,pois a vida merece ser cantada todos os dias , em sinal de agradecimento pelo que temos de tão maravilhoso.
    Gostei imenso da imagem que escolheu ,tão em harmonia com o poema.
    Muitos parabéns.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  35. Oi, Lani
    Que lindo este seu poema, focando as várias fases da vida.
    Até o título está perfeitamente adequado, e a imagem é lindíssima.

    Continuação de boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  36. Encontro de pássaros
    no canto das palavras
    Belo

    ResponderExcluir
  37. Bela identificação das fases da vida como se fora canção. Sempre um hino, embora com toadas diferentes conforme os momentos.
    Parabéns!
    BJ, Lani

    ResponderExcluir
  38. A vida cantada em versos revelando um momento que só o escritor consegue passar assim para o papel com expressividade. Desejo a você um belo fim de semana.

    ResponderExcluir
  39. ¡Hola Zilani!!!

    Nos regalas unos preciosos versos que reflejan cantarina la vida misma, muy bien expresada en todas las etapas, tal cual. Bien pudiera hacerse canción. Y te felicito por tu excelente imaginación, lo has pintado con hilos de oro. Gracias por tu buen hacer

    Te dejo mi gratitud y mi inmensa estima.
    Se muy feliz.

    Perdona mi aun ausencia, no es abandono no, es un problemita de salud que se está solucionando poco a poco.

    ResponderExcluir
  40. Hoje estive pensando nesse tempo que passa e deixa marcas... Ao ler o poema me ponha novamente a pensar em última estrofe. Boa semana!

    ResponderExcluir
  41. Simplesmente lindíssimo seu poema.
    A música de fundo é muito boa.
    Ótima semana!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  42. Emocionante a sua canção,Zilani querida
    E é bem assim mesmo.
    Parabéns!
    Um abraço apertado e um beijinho carinhoso
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  43. Olá, Zilani!

    Lindo Blog. Sua poesia é linda e nos faz refletir sobre a estrada da vida e de tudo que podemos desfrutar dela. A vida é um milagre, uma verdadeira canção, e é preciso tocá-la afinadamente a cada estrofe. Amei.

    ResponderExcluir
  44. Belíssimo; e super verdadeiro.
    Bom finalzinho de mês.
    Abraços
    janicce.

    ResponderExcluir
  45. Muito belo esse poema Lani
    a poesia te habita.

    Beijinho

    ResponderExcluir
  46. Relendo este maravilhoso trabalho, e deixando um beijinho...
    Ana

    ResponderExcluir
  47. Olá querida Zilani, td bem?
    A canção faz parte da nossa vida, desde criança até a maturidade. Em todos os momentos somos inspirados pelas canções e sempre nos lembramos delas em cada fase da nossa vida.
    Lindo o seu poema!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  48. Que lindos versos nas fases da vida! Parabéns pela delicadeza e sensibilidade.
    Amo o som do violino, uma delícia ouvir, ler e admirar a imagem.
    Abraços e feliz final de semana.

    ResponderExcluir
  49. Oi Lani! Tudo bem?

    Seu blog foi um verdadeiro achado, foi amor a primeira leitura!
    Como gosto de poesias e essa sua traz uma leveza e beleza incomparáveis. Versos feitos para apreciar, para refletir...

    Já estou te seguindo para não perder mais nenhum post!
    Beijos e até breve!

    jaynnesantos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  50. Oi, Lani, passando para ver as novidades e reli esse poema, achei mais lindo...É bem assim, quantas verdades!
    Beijo, saudades daqui, dos teus poemas.
    Boa semana!

    ResponderExcluir
  51. O que a poesia nos traz!
    À medida do tempo ela brota inteira consoante o tempo e a estação.
    Sempre um gosto ver a tua escrita de todas as estações.
    Bj.

    ResponderExcluir
  52. A canção e seus versos deixam-nos uma paz dentro d'alma.
    Lindo demais Zilani.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita!

Seu comentário é sempre bem-vindo!

Beijos, Zilani Célia.